Aroldo Ferreira Leão

Foto: Silvia Nonato

Bio

Aroldo Ferreira Leão é poeta e professor de matemática na Universidade Federal do vale do São Francisco e possui 144 livros publicados. Tem participação em 30 antologias. Seus textos chegam a 30.000 composições escritas, entre as quais, se destacam 3.000 sonetos, 2.000 haicais, 1.000 motes heptassilábicos, 1.000 motes decassilábicos e diversas crônicas, contos, ensaios. É compositor, com cerca de 1000 canções compostas, e possui três CDs gravados. No ano de 2013, recebeu, juntamente com diversos professores da UNIVASF, o prêmio Jabuti, na categoria Ciências Naturais, pela obra “Flora das Caatingas do Rio São Francisco”, na qual participou com a escrita do terceiro capítulo, sobre os índios Cariris do Sertão. No ano de 2014 publicou, pela Editora Lp-Books, de São Paulo, os livros “O Mergulho e a Inocência” e “Crônicas e Reinvenções”. Também participou, em 2014, da Antologia Portugal-Brasil, reunindo diversos escritores dos dois países, com edição da Lp-Books. Seus temas de pesquisa, intimamente relacionados com o universo do Sertão, vão do Cangaço à Literatura de Cordel, dos Cantadores à guerra de Canudos, das Secas aos Vapores do Rio São Francisco, dos índios Cariris à guerra de Pau-de-Colher, do Padre Cícero à Genealogia Sertaneja. No ano de 2012, em dezembro, publicou, pela Editora Bagaço, de Recife, “Lampião: Um Estudo de Buscas e Essências”, obra cronológica, com 700 páginas, a respeito da saga e dos mistérios do cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião. Nesta empreitada, em um período de estudo de dois anos, entrevistou 203 depoentes, ampliou a bibliografia do cangaceiro e aumentou a sua iconografia. Em julho de 2012, durante o evento “Cancão e a Tradição Poética Do Pajeú”, publicou o ensaio “Cancão: Os Anjos São Crianças Muito Sozinhas”, um estudo crítico sobre a poesia do poeta popular João Batista de Siqueira, o Cancão. Outra importante obra do autor, também lançada em 2012, pela Sebo Vermelho Edições, de Natal/RN, é “A Confissão dos Desalmados”, com a criação de 1000 motes heptassilábicos. Pela Editora Lp-Books, de São Paulo, o poeta lançou, em 2011, “A Alma é Feita de Recriações” e, em 2012, o compêndio com 1500 sonetos apresentados nos livros O Frágil Sorriso do Menino Sozinho, A Incerteza Reconstrói a Força do Silêncio, A Essência do Voo nas Almas mais Intensas, A Verdade Aguda dos Olhares Profundos. Também pela Lp-Books, em 2012, participou da Bienal do Livro de São Paulo, onde fez parte de uma antologia organizada pela editora paulista com alguns de seus autores. Aprofundando as essências e os redemunhos, ainda participou, em 2012, da importantíssima coletânea Flora das Caatingas do Rio São Francisco, com organização de José Alves Siqueira, onde é responsável pelo terceiro capítulo, intitulado “A Alma do Rio São Francisco: Cariris – A Solidão e os Espaços do Sertão”, dissecando os contextos dos índios Cariris para a redescoberta e o aprofundamento dos ares do Sertão.

Produção Literária

Mortes

Se faz necessário muitas mortes
Para se formar um poeta. O
Dia, visto da janela, em seu
Próprio silêncio adormece. As

Coisas muito mais separam do
Que unem nossas almas corroídas
Por angústias ancestrais, recriam,
Na substância do tempo, a dinâmica

Parada do nada. Aterrador
É seguirmos continuamente
Ruins, sujeitos às tempestades

Dos agouros do mundo. Ao léu,
Observamos a reconstrução
Das mágoas que cada um traz em si.

 

Publicações

  • Crônicas e Reinvenções, 2014 – crônicas;
  • O Mergulho e a Inocência , 2014 – poesias;
  • A Incerteza Reconstrói a Força do Silêncio , 2012 – poesias;
  • A Essência do Voo Nas Almas Mais Intensas , 2012 – poesias;
  • A Verdade Aguda dos Olhares Aflitos, 2012 - catalogação da obra completa;
  • A Confissão dos Desalmados , 2012 – poesias;
  • Lampião: Um Estudo de Buscas e Essências, 2012 - ensaio biográfico;
  • Cancão: Os Anjos São Crianças Muito Sozinhas, 2012- ensaio biográfico;
  • O Frágil Sorriso do Menino Sozinho, 2012 - poesias;
  • A Alma é Feita de Recriações, 2011 – poesias.

Links

www.aroldoferreiraleao.com.br

Contato

aroldoleao@gmail.com